Público

Descrição
  1. O FCSB teve de mudar de nome e de emblema para sobreviver, mas no processo perdeu uma grande parte das suas bases de apoio. Com as claques há muito em rota de colisão com a direcção, o ambiente que hoje se espera em Bucareste será pouco mais do que tímido.
  2. Um dos filmes-sensação de Cannes, é já um dos acontecimentos cinematográficos do ano em França. Estreia portuguesa marcada para 30 de Novembro.
  3. Membros de unidade das Forças Armadas operam há dois meses no nosso país. Meios aéreos do país vizinho já fizeram 525 horas de voo e 1814 descargas de água. Neste momento existem 20 aeronaves espanholas em Portugal.
  4. Alteração à lei passou a proteger todas as fachadas azulejadas do país, uma medida há muito desejada por grupos de defesa do património. Mas a luta destes grupos continua: há que regular a venda de azulejos antigos e proteger também os interiores.
  5. A Santa Casa da Misericórdia realizou no ano passado 426 funerais.
  6. Em Junho, 11 corpos de fetos ou recém-nascidos não reclamados esperavam no Instituto de Medicina Legal. Alguns pais não querem ver o corpo e outros não são informados e não o reclamam. Outros queriam enterrar os filhos com menos de 24 semanas, mas a lei não os deixa.
  7. Uma equipa de cientistas liderada por portugueses encontrou marcas em genomas que revelam que há quatro ou cinco mil anos chegou à Índia um grupo de homens da Ásia Central. A informação estava “escondida” nas linhagens masculinas e está a causar controvérsia.
  8. A entidade gestora do bem protegido pela UNESCO foi ao encontro dos apelos das principais associações e instituições da região, que se uniram contra o potencial de "agressão" do empreendimento.
  9. Transportes, habitação, e transparência são algumas das palavras-chave desta campanha do BE.
  10. O Governo de Maduro só tem evitado o incumprimento no pagamento de obrigações com o dinheiro que recebe da Rússia, que está a reforçar a sua posição nos mercados energéticos da América.