JNmundo

JN. Rede de Informação.
  1. O antigo vice-xerife do condado de Bristol, Massachusetts, António Freitas foi condenado por contrabando de dinheiro a um ano de prisão, com três anos de pena suspensa.
  2. A porta-voz da Casa Blanca, Sarah Sanders, disse hoje que é "enormemente inapropriado" questionar os argumentos do general John Kelly, chefe de gabinete do Presidente dos EUA, devido à sua alta patente militar, no caso dos militares mortos.
  3. O Presidente da Somália vai anunciar o "estado de guerra" contra o grupo extremista do Al-Shebab, que é acusado de ter efetuado o ataque terrorista de sábado que causou 358 mortos, segundo o mais recente balanço oficial.
  4. O Presidente do Brasil, Michel Temer, anunciou hoje que lhe foi diagnosticada uma obstrução parcial da arteira coronária, mas garantiu que a o problema não o impede de desempenhar as suas funções.
  5. Um imigrante português em Nova Jérsia, acusado de transportar de forma ilegal dois portugueses do Canadá para os EUA, arrisca ser condenado até cinco anos de prisão.
  6. O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, elogiou o secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, afirmando que este tem feito um trabalho "realmente espetacular" na ONU.
  7. Pelo menos 60 pessoas morreram, esta sexta-feira, em dois atentados no Afeganistão, um deles numa mesquita xiita em Cabul e o outro numa mesquita sunita no centro do país.
  8. A poluição atmosférica atingiu níveis alarmantes no norte de Itália nos últimos dias, levando a câmara de Turim a apelar aos seus habitantes para fecharem as portas e as janelas, ficarem dentro de casa e evitarem as atividades desportivas.
  9. Donald Trump faz gala de ter em casa um quadro original de Renoir, mas o Instituto de Arte de Chicago garante que a pintura é falsa.
  10. Um homem entrou esta sexta-feira à tarde numa mesquita xiita da capital do Afeganistão, Cabul, e fez-se explodir entre os fiéis, fazendo pelo menos 30 mortos e 45 feridos.